Semana de Sensibilização à Perda Gestacional e Neonatal - 2021

Vídeo transmitido durante a 1ª Semana de Sensibilização à Perda Gestacional e Neonatal - Paulínia/SP. O vídeo, que abriu o último dia do evento, inicia com um breve relato pessoal seguido da execução da música Vontade de Fazer Xixi! do álbum Isolamento Acústico.


--



--

Composição e instrumental: Alexandre Esquitini

Mixagem e masterização: Cauê Pittorri em Dalla Sound Audio Studio - Campinas/SP

--


Para saber mais acesse: https://www.esquitini.com.br/sobreisolamentoacustico


Siga @esquitiniarte no Instagram!


--


Texto completo:


“Meu nome é Alexandre Esquitini e, em 2017, descobri que seria pai. Fui tomado por sentimentos diferentes e conflitantes: Alegria, medo, insegurança, ansiedade, muita ansiedade. Em pouco tempo o futuro já estava todo imaginado e eu, obviamente, elucubrava sobre aquelas alternativas e rotas da vida que não podemos escolher. Quem será ele? Será ela? Como será? Do que vai gostar? A única certeza nisso tudo é quem iria comigo, a Ana Clara, e, isso me confortava muito. Resumi todo meu sentimento numa música simples, que surgiu de forma espontânea, mas que considero muito potente, a Vontade de fazer xixi! Seria meu primeiro presente ao bebê. Seria não, foi! Infelizmente, mesmo pensando em quase infinitas possibilidades, não considerei em nenhum cenário sequer que o bebê não nasceria; Que não daria tempo nem de ser nomeado; Que tudo que estava imaginando e para tudo que eu estava me preparando desapareceria da noite para o dia e que aquela memória de escutar o coração pulsante pelo ultrassom, seria apenas uma memória. Vivi esse momento de um jeito quase invisível e, em 2021, quando gravei meu primeiro álbum de músicas, nem tinha considerado incluir a música. O álbum se chama Isolamento Acústico e, nele, acompanhado de um livro, faço reflexões sobre diversos momentos da minha vida trazendo tais vivências para o cenário de isolamento social devido a pandemia. Como eu pude pensar em deixar esta música de fora? Não sei, mas, não deixei. Mesmo propondo um projeto que fala quase que totalmente sobre ressignificar momentos, contar uma nova história, adicionar um novo capítulo, eu estava me invisibilizando e, talvez eu estivesse acostumado com a ideia de não falar sobre, me calar. Mas tem coisas que a gente não pode apagar e, nem devemos! A melodia da música que compus ressurgiu imediatamente na minha cabeça, mesmo esquecida há anos e, no último momento, inseri a música no álbum. Junto veio aquela memória que eu achei que seria somente uma memória de um coração pulsante. Agora não só pulsa, como pulsa em ritmo de música e o som acompanha toda a melodia. Aquele bebê que nem nome teve, mas teve música, me ensinou como dar vida de outras formas e como ressignificar e, eu não poderia escrever meu projeto sem ele. Esta música é dedicada ao bebê que vive nela com seu coração pulsante e à Ana Clara, minha certeza!"





Alexandre e Ana Clara - Foto por Luminascer



#ISOLAMENTOACUSTICO#LUTOGESTACIONAL#SEMANADOLUTOGESTACIONAL